Prefiro acreditar no Amor

alone_chilling_fashion_girl_lady_leisure_lonely_mindful-924937

Dizem que o Mundo anda perdido, que as pessoas vagueiam pela vida num instinto de sobrevivência, sem parar para respirar ou sequer fazer um esforço para olhar em redor. Já não há crianças na rua. O medo apoderou-se de tudo e de todos. Parece que todos vivem em função do seu umbigo e que mais nada importa para além de si mesmo. Até ter um filho, ou um cão, se tornou uma forma de ostentação e não um ato de amor. Amor…essa palavra que tantos, por opções de vida, confundem com comodidade.
Há muito desejo confundido com amor, há muito carinho confundido com amor, há muita ostentação denominada de “amor”.

Mas eu prefiro acreditar no amor verdadeiro. Continue reading “Prefiro acreditar no Amor”

Entre o desequilíbrio material e o equilíbrio emocional

abraco-2
A Humanidade anda triste, o sofrimento acontece a cada canto. As pessoas vivem de uma forma tão automatizada que por vezes nos dão vontade de procurar o botão onde se pode desligar toda esta sociedade consumista e desprovida de valores para quem um qualquer presente caro vale mais do que um abraço. Continue reading “Entre o desequilíbrio material e o equilíbrio emocional”